Arquivo da tag: comemoração

4 cervejas para comemorar a Oktoberfest

Estamos no mês da maior festa cervejeira do mundo! A tradicional Oktoberfest de Munique, na Alemanha – que já começa em setembro por lá – desembarcou no mundo todo e nós brasileiros, não ficamos fora dessa!

A festa é regada a cervejas do estilo Oktoberfest, que são Lagers maltadas, de produção sazonal, e tradicionalmente servidas no caneco de 1L, o Maßkrug.  Criado em 1810 para celebrar o casamento entre Ludwig I e Therese de Saxe-Hildburghausen, o estilo de cerveja Oktoberfest tem coloração dourada, malte marcante e lúpulo suave.

Quer comemorar a maior festa cervejeira de todas? Nós te indicamos 4 rótulos especiais:

Paulaner Oktoberfest Bier

Brilhante e de coloração amarelo forte, tem aromas delicados de biscoto e cereais matinais, com toques leves de floral de lúpulo. No paladar, tem equilíbrio entre o dulçor do malte e o amargor que vem do lúpulo. É uma cerveja equilibrada e fácil de beber – pode encher o Maßkrug sem medo!

paulaner

Brooklyn Oktoberfest

Fiel ao estilo original, esta cerveja norte-americana tem coloração marrom clara, com espuma bem cremosa. Os aromas e sabores suaves e doces vêm do malte. Ótimo exemplo do estilo, foi eleita por dois anos seguidos (2010 e 2011) a melhor Oktoberfestbier do mundo pelo World Beer Awards.

brooklyn

Eisenbahn Oktoberfest

Uma das primeiras cervejas do estilo no Brasil, é produzida de setembro a outubro. Tem sabor intenso e adocicado de malte, acompanhado por um leve amargor. Combinação perfeita para as salsichas alemãs!

eisenbahn

Spaten Oktoberfestbier

Feita por uma das fábricas de cerveja mais antigas de Munique, é uma bebida de cor dourada e com textura densa, muito aromática e de sabor intenso. Vá sem medo!

spaten

Deu aquela sede? Comemore a Oktoberfest em grande estilo! É só escolher!

Espumante sem álcool não é suco de uva

Espumantes combinam com qualquer festa e são indispensáveis para o sucesso de um evento. Casamentos, aniversários, inaugurações, comemorações… a bebida é um “tiro certo”!

Mas, se por algum motivo, você precisa abrir mão da bebida alcoólica, não se preocupe! Já existem espumantes sem álcool igualmente deliciosos.

As bebidas não-alcoólicas começaram a ser produzidas no Brasil para atingir três nichos do mercado: pessoas que não podem beber porque têm problema de saúde,  pessoas que tomam medicamentos tarja preta e pessoas que não bebem por motivos religiosos – como os muçulmanos, evangélicos e alguns espíritas. Sem contar os consumidores de terceira idade e as crianças.

Mas, não se engane. Espumante sem álcool não é suco de uva!

O Espumante Kur, por exemplo, é diferente do vinho e do suco de uva. É algo entre as duas coisas, uma saborosa bebida elaborada a partir de uma combinação de uvas e maçãs fermentadas. Na fermentação existe uma reação bioquímica que faz surgir outros aromas, outros sabores, que você encontra na bebida. Ou seja, ele apresenta o sabor requintado do espumante. O que muda realmente é o teor alcoólico, que não existe.

Sorte do motorista da noite!

3 receitas simples para harmonizar com 3 principais tipos de cerveja

Se você é um amante de cerveja, sabe que uma boa harmonização provoca o paladar e deixa tudo ainda mais saboroso. E o melhor: você não precisa ser nenhum especialista no assunto para aprender a harmonizar alguns pratos com sua cerveja preferida.

Quer apostar?

3 dos principais estilos de cerveja consumidos no Brasil – Pilsen, Weiss e Pale Ale – podem ser facilmente harmonizadas com pratos simples e sem segredos.

Aproveite o fim de semana e faça o teste!

Pilsen + Hambúrguer Artesanal

A dupla que já é um clássico fica ainda mais saborosa com um hambúrguer caseiro! Segue a receita:

Ingredientes:

  • Blend do hambúrguer: 70% de patinho/20% de contra-filé com gordura/10% bacon
  • Temperos (pimenta do reino, açafrão, alho…)
  • Fatias de cheddar
  • Molho barbecue
  • Pão de hambúrguer

Modo de Fazer:

Misture o blend – ja moído – e tempere com sal, pimenta do reino, alho, açafrão da terra, orégano, pimenta malagueta e vinagre. Depois de moldar, basta colocar na chapa, em fogo alto. Dica: manuseie a carne suavemente e molde o hambúrguer com poucos toques, quanto menos mexer na carne melhor! Isso ajuda a deixá-la suculenta. Quando estiver atingindo o ponto, adicione uma fatia de cheddar. Sele o pão, monte o hambúrguer, adicione molho barbecue e pronto!

Abra sua pilsen e bon apétit!

burg

 

Weiss + Camarão Frito

A cerveja de trigo harmoniza muito bem com peixes e frutos do mar. Que tal um petisco especial?

Ingredientes:

  • 500 g de camarão
  • 1 limão
  • ½ xícara de salsinha
  • 2 dentes de alho
  • Sal e azeite a gosto

Modo de fazer:

Comece temperando os camarões com limão, salsinha, alho e sal e deixe marinar nessa solução por 5 minutos. Depois, coloque um fio de azeite em uma frigideira ainda fria e ponha os camarões para fritar. Para que eles fiquem sequinhos, o segredo é usar pouco óleo e virá-los apenas uma vez. Retire-os em uma travessa forrada com papel toalha e aproveite com uma weiss bem gelada.

camarao

 

Pale Ale + Cheesecake de Limão

Mais amarga, essa cerveja é perfeita para acompanhar a sobremesa, principalmente se ela tiver um toque de limão. A chef patisserie Erika Piacentini criou essa receita incrível que vale a pena degustar com sua Pale Ale.

Ingredientes | Base

  • 300gr de bolacha maizena
  • 200g de manteiga sem sal

Ingredientes | Recheio

  • 400g de nata
  • 450g de cream cheese
  • 200g de açúcar
  • 6g de gelatina
  • 22 ml de água
  • 130 ml de suco de limão
  • 55 folhas de manjericão

Modo de Fazer:

Triture a bolacha no processador.  Acrescente a manteiga e bata até a massa ficar moldável. Bata o cream cheese e o açúcar até ficar homogêneo e em seguida, bata a nata em ponto firme em outro bowl. Misture os dois delicadamente. Derreta a gelatina em banho maria. Depois, misture a gelatina ao cream cheese, açúcar e à nata. Por fim, bata o limão e o manjericão e acrescente à massa.

Distribua a base e pressione para ficar uniforme. Distribua, com o saco de confeitar, o creme pronto sobre a base. Leve ao refrigerador por 8 horas. Decore com nata batida e folhas de manjericão.

Está com água na boca? Abra sua Pale Ale e aproveite!

cheesecake

Se você terminou esse post com água na boca: tenha isso como um sinal! Experimente!

Quentão ou vinho quente?

Mês de junho é época de arraial! E em festa junina que se preze não pode faltar comidas típicas, bandeirinhas, fogueira, quadrilha, e claro o quentão ou o vinho quente. Ou, por que não, os dois.

O frio marca presença nessa época do ano, e o quentão é a bebida perfeita! Algumas receitas levam cachaça, outras vinho, somado as especiarias como cravo, canela e gengibre, o sabor é inconfundível e o preferido das festas! Já no vinho quente, a receita leva pedaços de frutas o que é uma excelente ideia pra incrementar a bebida!

Você não precisa esperar as festas juninas para poder tomar aquele vinho quente ou quentão especial que tanto combina com o inverno.

A receita é simples e aqui vai alguns “truques”:

  • As duas levam praticamente os mesmos ingredientes, mas a principal diferença é que no Sudeste e Nordeste do Brasil o quentão é feito com cachaça ao invés do vinho.
  • Para quem gosta da bebida forte, a sugestão é prepará-la com o gengibre em pedaços pequenos.
  • Use o vinho tinto seco, que foi 100% fermentado e feito com uvas viníferas, ao contrário do vinho suave que tem a adição de açúcar e sua fermentação foi interrompida.
  • Sirva com canela em pau! O sabor fica incrível!

Gostou? Veja aqui como preparar!

 

 

Tudo a ver com o Brasil: Aperol Spritz

Se você ainda não experimentou ou viu por aí um Aperol Spritz chamando atenção por seu alaranjado vibrante, certamente logo, logo, verá. Também conhecido como drink da moda, tem origem italiana e já vem conquistando seu espaço no Brasil e também em outros lugares do mundo.

Na Itália ele é o mais tomado – contam que só em Veneza são entornadas 200 taças dele por minuto. O Aperol Spritz é leve, fácil de preparar e tem um quê de descontraído, podendo ser servido à tarde ou à noite; na praia ou na piscina; no bar ou em casa. Traduzindo: perfeito pra qualquer momento!

Tem um leve toque amargo por conta do Aperol, porém também um pouco de doce. A adição do espumante equilibra o sabor e faz o drinque oscilar entre o cítrico e o amargo.

A tonalidade, um laranja bem chamativo, também ajuda na difusão do drinque, que, em geral, é servido em copos baixos ou taças grandes de Bordeaux. O efeito é aquela tradicional olhadinha das mesas vizinhas que acabam perguntando para o garçom do que se trata.

Em Milão, a bebida ganhou um espaço próprio no principal ponto turístico da cidade. Com uma varanda de frente para a Duomo, o Terrazza Aperol vende mais de 300 drinks por dia. O lugar é de tirar o fôlego!

aperol1

Tudo a ver com o Brasil, a bebida é um refrescante aperitivo que vale a pena entrar pro seu happy hour! Muitos apostam que ela veio pra ficar!

Se você gosta de preparar, aqui vai a receita clássica:

Receita para um drink:

3 partes de Aperol (50ml)

2 partes de prosecco (40ml)

1 parte de àgua gaseificada (10ml)

Rodelas de laranja para decorar

Gelo

Despeje o prosecco em uma taça com cubos de gelo. Adicione o Aperol e, em seguida, um esguicho de água com gás. Deixe flutuar uma grossa fatia de laranja no topo. Ela irá infundir na bebida, dando o toque cítrico e deixando o Spritz ainda mais saboroso!

Aproveite!

 

17 de Abril Malbec World Day

Hoje, comemoramos o dia da uva argentina mais famosa no mundo, a uva Malbec. Vamos comemorar?

Sobre Malbec:

Origem
Uva tinta originária da região de Bordeaux (França). Trata-se de uma casta muito semelhante a Merlot, e com as mesma s características de cor rubi violácea, sabor maduro de frutas secas e especiarias; no paladar nota-se um leve adocicado, devido principalmente aos taninos redondos e elevada alcoolicidade que alcança. Capaz de produzir vinhos de guarda; sendo que em menos de 3 anos apresenta vinhos desequilibrados, onde alcool, acidez e taninos guerreiam contra o consumidor.

Regiões de Produção
Como outras uvas francesas, espalhou-se pelo mundo; é bastante utilizada em vinhos varietais, principalmente na Argentina e Califórnia. Na França ainda entre como corte nos vinhos Bordeaux, junto com Cabernet Sauvignon e Cabernet Franc. Mas sua terra hoje é Mendoza.

Características dos Vinhos
O vinho Malbec varietal apresenta uma bela cor vermelho púrpura, intensa, e aroma frutado revelando vinho novo; no paladar apresenta-se saboroso e macio, indicando que os açúcares escondem bem os taninos. Os mais envelhecidos, se foram bem produzidos, apresentarão grande harmonia, bom corpo, e longo fim de boca (com leve amargor).

Harmonização
Harmoniza-se com carnes vermelhas, churrasco, feijoada, e queijos fortes, pois tem taninos e antocianos (pigmentos da uva) fortes, mas não agressivos — quando bem elaborados e envelhecidos 2 ou 3 anos, podendo ser até bem mais. Não combinará com defumados, nem com gorgonzola, nem com massas com tomates. Muito menos com saladas.