Arquivo da tag: cerveja artesanal

Cerveja artesanal: pra todos os gostos

A atenção dada aos mínimos detalhes, faz da cerveja artesanal, uma bebida especial.

Ao ouvir falar em Cerveja Artesanal, pense em cervejas mais bem cuidadas, com produções mais restritas (mas não necessariamente pequenas), o que leva a produtos com resultados finais muito interessantes e diversificados.

Várias micro-cervejarias, mesmo utilizando equipamentos modernos e engarrafando suas produções, ainda assim são consideradas como cervejarias artesanais pelo cuidado que têm com sua produção, indo desde os ingredientes básicos da cerveja, passando pela receita de preparo e chegando até aos conservantes finais, que devem ser naturais e não químicos.


Quais as diferenças entre cerveja artesanal, cerveja industrial e chopp?


Afinal, por que beber cerveja artesanal?

No universo das cervejas artesanais existe uma gama ilimitada de estilos, cores, sabores, aromas, ingredientes. Seja livre para escolher e descobrir suas favoritas – sim, no plural!

O que você prefere: uma cerveja com a assinatura de um artesão ou com a marca de uma megacorporação?  Um produto único ou um produto padrão?

Cervejas artesanais levam a personalidade de quem as produz. Têm DNA, valores, idéias, conceitos. Existe uma pessoa em cada cerveja! São feitas por cervejeiros para cervejeiros!

A verdade é uma só: depois de entrar no mundo das cervejas artesanais, cerveja nunca mais será “só cerveja”.

É ou não é?!


Deu sede? Que tal participar de uma super degustação de cervejas artesanais?

Clique AQUI e fique sabendo tudo sobre esse evento!

Captura de Tela 2017-02-09 às 11.01.16

 

A cerveja DEUS: Você precisa conhecer

Se você é fã de cervejas artesanais, com certeza já ouviu falar da Deus Brut des Flandres. Se você ainda não conhece… aqui vão alguns motivos que levarão você a desejar a tão elogiada cerveja!

Em 2005, a Brasserie Bosteels, da Bélgica, resolveu desenvolver uma nova cerveja elaborada com cevada e leveduras especiais, concebida para ser uma autêntica simbiose entre uma cerveja especial e um vinho espumante.

A Deus Brut des Flandres é uma cerveja especialíssima em função da sua técnica de elaboração, conhecida por champegnoise.

O processo de fabricação começa na Bélgica, termina na França e chega até você no Brasil.  É uma experiência única! São produzidas 15mil garrafas da cerveja Deus por ano. E quem não gosta de degustar algo tão especial, não é?

deus2

O caminho:

  • A largada é na Brasserie Boosteels, onde é fermentada por duas vezes
  • O líquido é transportado para a região de Champagne, na França (daí o método ser conhecido por champegnoise), onde recebe mais açúcares e fermentos, e é posto para maturar por no mínimo 12 meses em barris de carvalho
  •  Depois, é posta em garrafas — por sinal, as mesmas que são usadas no célebre champagne Dom Pérignon, da casa Moët&Chandon — que são submetidas à técnica da remuage, na qual um profissional as gira diariamente, no mesmo sentido, cada vez inclinando um pouco, até ficarem com os gargalos totalmente voltados pra baixo
  • Após essa fase, congela-se somente os gargalos, nos quais se depositaram os fermentos e demais borras, os quais são expulsos pela própria pressão do líquido
  • Adiciona-se à garrafa um pouco da cerveja previamente pronta apenas para preencher o espaço vazio resultante da expulsão dos fermentos congelados.

Deus está pronta!

Que tal dar esse presente pro seu paladar, ein? Só podemos dizer: vale a pena!

Quer comprar? Clique AQUI!

 

 

Quais as diferenças entre cerveja artesanal, cerveja industrial e chopp?

Que essas bebidas são paixão nacional, disso ninguém tem dúvida… se você é do tipo de pessoal que não dispensa uma cerveja ou um chopp com os amigos, sabe do que estamos falando.

E o que vemos, é cada vez mais opções de cervejas artesanais e industriais por aí. E muitas vezes nem sabemos qual escolher!

Mas você sabe as principais diferenças entre essas bebidas? E por que a cerveja artesanal vem conquistando tanto espaço? Veja!

Cervejas Artesanais X Cervejas Industrializadas

A diferenciação da cerveja artesanal da industrializada pode ser conferida na própria garrafa.  A atenção dada aos mínimos detalhes nas cervejarias artesanais já aparece no rótulo.

E é justamente por se preocupar com a essência da bebida e buscar os melhores ingredientes para o seu consumidor que a produção desse tipo de bebida costuma ser realizada em pequena escala.

Quando observamos a cerveja industrial, o que se percebe é que sua produção tem o objetivo de atingir o maior número de consumidores possível e por isso é produzida em larga escala e quando lidamos com esse tipo de produção fatalmente a qualidade ou, melhor dizendo, a autenticidade do produto fica comprometida.

beer

Essa é uma das razões pela qual tantas pessoas estão descobrindo o prazer de apreciar poucas e boas cervejas artesanais ao invés de “encher a cara” com uma cerveja carregada de produtos químicos.

Mesmo alguém que não possua conhecimento técnico sobre a cerveja é capaz de diferenciar a cerveja artesanal da industrial apenas pelo paladar. Por uma questão de economia, a receita das cervejas industrializadas é composta por uma mistura de malte, que costuma compor 60% da mistura com outros cereais, como milho e arroz.

Já a cerveja artesanal é composta por ingredientes selecionados e de origem mais nobre, normalmente importados de países com uma grande tradição cervejeira, como Alemanha e Bélgica.

Cerveja X Chopp

A fabricação é diferente, sim! O chopp é consumido na sequência do processo de maturação e, por isso, é mais fresco que a cerveja – que depois da maturação, ainda sofre uma pasteurização.

chopp

Outra diferença entre o chopp e a cerveja é a cremosidade. A cerveja, ao ser engarrafada, sofre um choque térmico e deixa a bebida mais líquida. O chopp é envasado em barris de aço e não passa por esse processo. Além disso, a bebida é servida em chopeiras que injetam mais gás carbônico à bebida, deixando o chopp mais cremoso.

Então, depois de ler esse post… você não acha que merece um happy hour? O que você prefere: cerveja ou chopp?