O Crescimento das Cervejas Artesanais no Brasil

As cervejas artesanais caíram definitivamente no gosto dos brasileiros. O País encontrou o mercado da produção artesanal de cervejas e tem alcançado ótimos resultados nos últimos três anos, com um crescimento forte principalmente no interior dos estados de São Paulo e Rio de Janeiro.

As cervejas artesanais conquistam pelo gosto diferenciado, pelo aspecto qualificado e pela pureza. Os cervejeiros estão investindo alto neste mercado, e os maiores beneficiados são os pequenos produtores, que fabricam produtos de qualidade para um público seleto e exigente.

A produção de cervejas artesanais praticamente triplicou no Brasil nos últimos três anos. Cidades como Petrópolis e Teresópolis, no Rio de Janeiro, e Campos do Jordão e Indaiatuba, em São Paulo, aparecem como mercados promissores para este tipo de produto.

A variedade de cervejas nacionais nas lojas especializadas também demonstra que o mercado de cervejas premium é muito promissor. No Brasil, a cerveja já é considerada a bebida preferida da população e, no caso das cervejas artesanais, o sucesso está no fato do produto contar com 100% de cereais maltados, com preparo totalmente artesanal e em baixa escala.

O objetivo dos cervejeiros artesanais é justamente respeitar o tempo de produção e maturação da cerveja para preservar o gosto e as propriedades da bebida. As microcervejarias trabalham com rótulos especiais que já respondem por 6% do total de vendas de cervejas no Brasil.

O crescimento da cerveja artesanal no Brasil é recente, mas, em países desenvolvidos, como nos Estados Unidos, por exemplo, esse mercado já faz sucesso há vários anos e se transformou num negócio milionário.

Nos Estados Unidos, as cervejas artesanais começaram a ganhar espaço na década de 1990, quando surgiu um movimento que tinha como ideologia o consumo de cervejas com aroma, cor e sabor. A ideia se tornou bem aceita e se espalhou pelo país, dando origem a diversas microcervejarias norte-americanas que atualmente geram mais de 100 mil empregos em mais de 400 negócios no segmento de cervejas artesanais.

O Brasil segue o mesmo caminho que os Estados Unidos, e já conta com mais de 200 microcervejarias, com grande potencial de crescimento e retorno financeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *