Harmonização Natalina

O Cardápio da Ceia de Natal escolhido, convidados confirmados mas e as bebidas? O que servir? Qual bebida combina com o tradicional Peru de Natal? E com Panetone?

Com essas dicas você não tem como errar, confira abaixo:

O Clássico Peru de Natal
Escolha os brancos secos, com passagem por barricas, como os Chardonnays da América do Sul ou até um Riesling demi-sec. São excelentes escolhas, pois possuem sabores concentrados, acidez boa, mas não muito alta, e sempre deixam um sabor adocicado na boca.

Carnes de Porco, Lombo, Pernil etc.
A carne de porco é gordurosa mas um tem sabor delicado. Com isso, o mais indicado é um vinho de sabor menos intenso e acidez elevada, como os espumantes, brancos mais leves, rosés delicados como os da Provença e tintos leves como os Pinot Noirs.

Rosés

Aquele Bacalhau
O nosso amado bacalhau tem um sabor forte, com toque salgado e bastante gordura, principalmente dos azeites de oliva. O que pede vinhos com mais intensidade de sabor, uma acidez elevada e nenhum tanino – que, quando entra em contato com o sal do bacalhau, traz sensações picantes e desagradáveis ao paladar. Vá com os espumante com um Champagne ou Cava e vinhos brancos de grande estrutura.

Espumantes

O Salpicão que não pode faltar
Sabe aquele salpicão clássico que leva frango, cenoura, pimentões, seleta de legumes, passas, creme de leite e, algumas vezes, batata palha? Pois é vai super bem com Merlots, Syrahs, Chardonnays, Rieslings e os Cabernets Sauvignon da Califórnia.

As Nuts de Sempre, nozes e castanhas
Os vinhos de entrada, como os espumantes e rosés, são excelentes. Mas a perfeição da harmonização fica com um Jerez.

O amado Panetone
Se for o clássico com frutas cristalizadas harmoniza com os doces espumantes Moscatel. Agora, se for de chocolate, os vinhos do Porto tintos ou o francês Banyuls são as melhores opções.

Espumante Moscatel

Agora que você está preparado, venha até o Empório garantir as bebidas da sua Ceia e torne o seu Natal inesquecível!

Uma Ceia de Natal de Sucesso

A gente separou receitas natalinas DE-LI-CI-O-SAS para você nesse Natal! Alguns produtos podem ser encontrados aqui no Empório, além das bebidas temos as nozes, temperos, azeites e outros produtos de qualidade nacionais e importados.

Confira as receitas dessa Ceia Completa:

Tender com Angostura Bitter

Rende 8 porções (O Mel e o Bitter podem ser encontrados aqui no Empório)

Ingredientes:
  • 1/2 xícara de mel
  • 2 colheres (sopa) de suco de limão
  • 1 colher de chá ANGOSTURA Bitter
  • 1 tender pequeno
Modo de Preparo:

Preaqueça o forno a 180 °C. Junte o mel, o suco de limão e ANGOSTURA Bitter. Marque o topo do presunto com uma faca afiada; Coloque em uma assadeira pequena e rasa. Adicione algumas colheres de sopa de água para cobrir apenas o fundo da panela. Pincele o presunto com a mistura do mel, limão e a ANGOSTURA. Asse descoberto cerca de 45 minutos, pincelando com a mistura muitas vezes. O tempo de cozimento depende de quão frio o presunto estava para começar. Sirva fatias de presunto regadas com a mistura restante.

​Lombo ao Molho de Laranja e Vinho Tinto

Rende 10 porções (Aqui no Empório temos várias opções de vinhos tintos e se quiser dar um toque especial, Especiarias)

Ingredientes:
  • 1 Lombo Temperado descongelado
  • 2 colheres (sopa) de óleo vegetal
  • 1 cebola descascada e cortada em cubos pequenos
  • 2 xícaras (chá) de vinho tinto
  • 2 colheres (sopa) de molho de soja
  • 2 xícaras (chá) de água
  • 2 colheres (sopa) de açúcar
  • 1 colher (sopa) de farinha de trigo
  •  suco de 6 laranjas
Modo de Preparo:

Em uma panela de pressão grande, aqueça o óleo e doure o lombo de todos os lados;adicione a cebola e refogue. Acrescente o vinho, o molho de soja e a água. Tampe a panela e cozinhe por 50 minutos depois que pegar pressão. Retire a pressão da panela, retire o lombo e reserve. No líquido restante na panela, junte o açúcar, a farinha e o suco das laranjas e deixe cozinhar, mexendo, até que o molho engrosse levemente; a o lombo fatiado com o molho.

​Peru com Manteiga de Ervas, Figos e Espumante

(No Empório tem Espumante Brut e temperos secos )

Ingredientes:

  • 1 Peru descongelado
  • 1 cebola grande
  • 3 dentes de alho
  • 250ml de Espumante Brut
  • Tomilho, orégano, manjerona, manjericão, salsa bem trituradas
  • 1 tablete de manteiga

Para a calda

  • 2 caixas de Figos frescos
  • 1 garrafa de Espumante Brut
  • 1 xícara de açúcar

Modo de Preparo:

Coloque o peru limpo em uma forma forrada com papel alumínio suficiente para cobrir ele todo. Regue o peru com o tempero, esfregue bem para pegar o tempero em todo o peru. Feche e leve para geladeira. No outro dia ou 3 horas depois, tire o peru da geladeira, em outra forma forrada com papel alumínio ou na travessa que for servir, se ela poder ir ao forno, desembrulhe e coloque o peru na forma. Regue com um pouco do tempero. Passe manteiga de baixo da pele do peru desta maneira o peru vai ficar macio e não vai ressecar. Em seguida, derreta a manteiga e misture os temperos bem triturados. Com uma seringa para cozinha, coloque a manteiga, fure o peru e injete a manteiga temperada. Se os temperos não estiverem bem triturados eles irão entupir a seringa, então triture bem e na hora de injetar, chacoalhe a seringa para o tempero não aglomerar.  Leve o peru ao forno para assar coberto com papel alumínio, forno a 200°C por 1hora e 30 min ou até o termômetro levantar. Então tire o papel alumínio de cima para que ele doure. Para fazer a redução, em uma panela caramelize o açúcar. Coloque o açúcar e um pouco de água, misture, ligue o fogo até o açúcar derreter e ficar marrom. Quando o açúcar estiver no ponto, adicione o espumante para reduzir, misture e deixe cozinhar até ele virar uma calda mais espessa. Quando tiver engrossando acrescente os figos inteiros e envolva-os bem na calda. Desligue o fogo e tampe a panela para o figo cozinhar. Quando tirar o peru coloque ele em uma travessa e coloque os figos em volta e regue com a redução. Decore também com figos secos se for do seu gosto.

​Arroz Negro com Vinho Branco

(No Empório você encontra Arroz Negro, um azeite de qualidade, sal marinho e o vinho branco )

Ingredientes:

  • 3 xícaras de arroz negro
  • 1 cebola pequena
  • 1 colher (sopa) de azeite
  • ½ xícara de vinho branco
  • Caldo de legumes caseiro
  • Sal marinho

Modo de Preparo:

Como o grão de arroz negro é muito resistente ao cozimento, é preciso deixá-lo de molho por pelo menos duas horas antes do preparo. Reserve a água (é preta mesmo!) e a utilize para fazer o caldo de legumes e o mantenha aquecido. Numa outra panela, doure a cebola num fio de azeite e refogue o arroz por alguns minutos, selando-o levemente. Acrescente duas conchas de caldo (o suficiente para cobrir o arroz) e tampe a panela. Repita este procedimento até que o arroz esteja bem al dente e desligue o fogo. Deixe a panela fechada para o arroz secar. Verifique o sal e sirva imediatamente.

​Farofa de Natal Vegana One Market

(No Empório você encontra um azeite de qualidade, as uvas-passas, as nozes e as azeitonas )

Ingredientes:

  • 500 g de farofa pronta (farinha de mandioca temperada).
  • 5 col. de sopa de azeite de oliva.
  • 1 cebola média, bem picada.
  • 1/2 xíc. de uvas-passas pretas sem sementes.
  • 1/2 xíc. de uvas-passas brancas sem sementes.
  • 3 col. de sopa de nozes picadas.
  • 1/2 xíc. de maçã verde cortada em cubinhos.
  • 1/2 xíc. de azeitonas verdes cortadas em rodelas.
  • 2 col. de sopa de salsinha picada.

Modo de Preparo:
Aqueça o azeite numa panela em fogo médio. Junte a cebola e doure levemente, mexendo de vez em quando. Tire do fogo e espere esfriar.
Junte as passas, as nozes, as maçãs, as azeitonas e a salsinha. Misture bem e acrescente a farofa pronta aos poucos, mexendo sempre.
Passe para uma travessa e sirva.

​Semifredo Crocante

(No Empório você encontra as amêndoas e o chocolate branco))

Ingredientes:

Para o Crocante

  • 1/2 xícara (chá) de açúcar
  • 1 colher (sopa) de manteiga
  • 1/2 xícara (chá) de amêndoas em lascas

Para o Semifredo

  • 1 e 1/2 tablete de chocolate branco (225 g)
  • 1 caixinha de creme de leite
  • 3 claras
  • 1/2 xícara (chá) de açúcar
  • 200 g de framboesas ou cerejas frescas sem caroço
  • Algumas framboesas ou cerejas frescas para decorar

Crocante: Em uma panela, derreta o açúcar em fogo baixo, mexendo suavemente até que esteja caramelizado. Junte a manteiga e as amêndoas e misture. Despeje sobre uma superfície de mármore untada com manteiga e deixe esfriar. Em seguida, com o auxílio de uma espátula, retire o crocante do mármore, coloque em um saco plástico próprio para alimentos, feche bem e passe um rolo de massa por cima para triturar. Reserve.

Semifredo: Em um recipiente refratário, derreta o chocolate branco em banho-maria. Acrescente o creme de leite, misture bem e reserve. Em uma panela, misture as claras com o açúcar e leve ao fogo baixo, mexendo vigorosamente sem parar, por cerca de 3 minutos. DICA: Tire a panela do fogo por alguns instantes a cada minuto, continuando a mexer, para não cozinhar as claras. Transfira a mistura para uma batedeira e bata por 5 minutos ou até dobrar de volume. Então, misture delicadamente com o creme de chocolate branco reservado.

Montagem: Adicione o crocante (reserve um pouco para decoração) e os 200 g de framboesas à mistura anterior e misture delicadamente. Passe tudo para uma fôrma de bolo inglês (25 x 9 x 7 cm) untada com óleo e
forrada com plástico-filme. Em seguida, cubra com outra folha de plástico-filme e leve ao freezer por pelo menos 4 horas.

No momento de servir, retire do freezer, desenforme e decore com as framboesas reservadas e o restante do crocante.
Sangria Espanhola Muito utilizada nas festas natalinas da Espanha, leva 750 ml de vinho tinto, 600 ml de soda limonada, meia xícara (chá) de suco de laranja, 2 colheres (sopa) de açúcar, 60 ml de conhaque, 60 ml de gim e frutas cortadas em cubos – sugerimos pêssego, laranja, uva, maçã e abacaxi. Coloque todos os ingredientes em uma jarra e deixe na geladeira por pelo menos uma hora antes de servir.

Desejamos à todos um Feliz Natal com muito amor e muitas delícias! Depois conta para gente qual receita você fez e gostou mais?

Borbulhas de Amor

Quando a gente pensa em espumante, pensa em Festas de Fim de Ano, Comemorações e Brunchs, fala a verdade? Cada vez mais consumimos espumantes para começar uma refeição especial ou para refrescar uma tarde de verão. Esse tipo de vinho tem uma boa acidez e uma capacidade de limpar o paladar, principalmente quando a comida é gordurosa.

Para produzir qualquer espumante, é necessário elaborar um vinho base tranquilo (sem gás carbônico). Esse líquido é então submetido a uma segunda fermentação, que pode acontecer na própria garrafa ou em tanque de aço inox.

Conheça um pouco mais sobre cada tipo e escolha o seu preferido:

Champagne

Os champagnes são produzidos obrigatoriamente na região homônima na França, com as uvas: Chardonnay, Pinot Noir e Pinot Meunier. O método de elaboração é o Tradicional ou Champenoise, em que a segunda fermentação acontece dentro da garrafa.

Harmonização:
Combina com pratos com manteiga, creme de leite e lácteos em geral, além de peixes defumados e sabores trufados.

Fettuccine ao Molho Branco com Azeite Trufado/ Imagem Half Baked Harvest


Prosecco

Exemplares do Nordeste da Itália, que devem ter 85% no mínimo de uva Glera (antigamente conhecida como Prosecco). Eles são elaborados através do Método Charmat, no qual a segunda fermentação é feita em tanques de aço inox.

Harmonização:
Frutado e refescante, pede pratos vivazes e leves como ceviches. Combina com frios como salame.

Ceviche de Polvo/ Imagem Web

Cava

Os Cavas são produzidos na Espanha também pelo Método Tradicional ou Champenoise. Apesar de sua elaboração não estar restrita a uma única região, as uvas utilizadas devem ser originárias de vinhedos autorizados, tais como as brancas Macabeo, Xarel.lo, Parellada, Malvasía, Chardonnay, e tintas Garnacha, Monastrell, Pinot Noir e Trepat.

Harmonização:
Os mais leves vão bem com queijos frescos e saladas crocantes.

Torradas com Queijo de Cabra e Ervas / Imagem Web

Outros espumantes e outras Regiões

Além das origens mais conhecidas, existem espumantes feitos em regiões menos tradicionais que valem ser provadas. É o caso dos portugueses, de grande potencial aromático, e dos argentinos, que podem ser frutrados e cheios de sabor. Já a Austrália cada vez mais aproveita o clima frio de algumas regiões em altitude para plantar vinhedos para a produção de espumantes de alta qualidade, geralmente produzidos com método tradicional.

 

E aí? Qual o seu preferido conta pra gente!

 

Confira outras opções de Espumantes em nossa Loja Virtual