Marca produz espumantes para grávidas

Uma marca de vinhos criada especialmente para grávidas? Ela existe e se chama 9Months!

O nome, “9 meses”, em português, faz referência ao tempo gestacional das mulheres. Sua criadora, a consultora de vinhos Carrie Marvin, afirma que a marca foi pensada em si mesma e em todas as mulheres grávidas impossibilitadas de beber durante a gestação.

Método de produção

A 9Months produz espumantes não alcoólicos a partir de uvas viníferas australianas. O suco das uvas recém-colhidas é coletado e refrigerado a 0°C para evitar a fermentação. Em seguida, é filtrado e pasteurizado dentro da garrafa. Interessante, não?

Leia muitas outras notícias e curiosidades aqui!

Hospede-se em uma livraria em Paris!

Se você é amante de livros, vai adorar essa novidade: em Paris, agora é possível se hospedar em uma livraria!

O espaço, chamado La Librairie, possui 45 metros quadrados e conta com dois quartos, banheiro, sala e cozinha, além de mais de quatro mil livros expostos em estantes por todos os ambientes. Ele ainda possui isolamento acústico, impedindo que barulhos externos causem incômodo.

Fachada de livraria em Paris

Interior da livraria

Cozinha do hotel

Banheiro do hotel

Quarto do hotel

O imóvel faz parte do projeto Paris Boutik, que transforma antigos pontos comerciais da capital francesa em acomodações temáticas.

Em breve, também será possível se hospedar em uma mercearia, em um estúdio de moda e em uma loja de vinhos. Estamos ansiosos!

Aprenda a harmonizar vinhos com a sua pizza preferida

Muito se fala sobre harmonizar vinhos com carnes, peixes e massas, mas você já parou pra pensar que seu sabor preferido de pizza também pede uma combinação específica? Para ajudá-lo nessa missão, selecionamos os sabores mais pedidos nas pizzarias e indicamos seu par perfeito, confira!

– Pizza de calabresa ou pepperoni + Cabernet Sauvignon

Embutidos, como calabresa e pepperoni, são bem salgados e condimentados. Eles pedem vinhos de sabor intenso, mais frutado e com taninos marcantes – portanto, nada melhor que um belo Cabernet Sauvignon! A de peperoni também combina com vinhos produzidos com a uva Riesling, ácida e de sabor discretamente adocicado.

– Pizza de mussarela + Merlot ou Chardonnay

Esse queijo é gorduroso e salgado, por isso vale a pena investir em vinhos mais leves, com alta acidez e poucos taninos. Se forem macios, melhor ainda. Entre os tintos, vá de Merlot; se preferir os brancos, escolha um Chardonnay.

– Pizza Marguerita + Sangiovese

Os vinhos produzidos com a uva Sangiovese, como os bons Chianti, são os melhores parceiros para essa pizza. Os taninos discretos, seu toque frutado e sua acidez contrastam com a gordura do queijo e acompanham as notas frutadas do tomate e heráceas do manjericão.

– Pizza de atum + vinho rosé

O atum tem um sabor forte e não é um peixe leve como os demais. A dica aqui é apostar em um rosé, não tão leve quanto um branco, mas também não tão pesado quanto um tinto. Na medida!

– Pizza de quatro queijos + Pinot Noir, Barbera ou espumante

Esqueça os taninos, eles estragariam essa intensa e harmoniosa combinação de queijos. Opte por vinhos mais ácidos, como Pinot Noirs e Barberas. Outra boa dica são espumantes, já que suas borbulhas  limpam o paladar como nenhum outro vinho. Escolha espumantes produzidos com Chardonnay e se surpreenda com o sabor dessa harmonização!

– Pizza de rúcula com tomate seco + Sauvignon Blanc

É uma pizza bem leve, que se destaca pelos toques herbáceos. A melhor opção é um Sauvignon Blanc, que é discretamente ácido e que não vai competir com o sabor da sua fatia. Pizzas de outros vegetais, como de abobrinha, também ficam uma delícia com esse vinho!

– Pizza Portuguesa + Jerez

Uma das mais difíceis de harmonizar devido à grande quantidade de ingredientes. Um dos únicos vinhos capazes de harmonizar ovo, e que ainda vai conversar bem com o presunto, é o Jerez, bem seco, ácido e com notas minerais, salinas e amendoadas. Um Merlot também pode cair bem.

– Pizza de frango com catupiry + vinho rosé ou Pinot Noir

O vinho escolhido deve aguentar a gordura e corpo do queijo e a delicadeza do frango. Opte  por vinhos rosés ou Pinot Noir – ambos possuem corpo leve e discreta acidez.

– Pizza de cogumelos + Carménère

Para destacar o sabor de cogumelos frescos, como o shimeji, o shitake, e até mesmo o champignon, nada melhor que um vinho terroso, como o Carménère.

– Pizza Baiana + Gewürztraminer

Para pizzas apimentadas, experimente vinhos produzidos com a uva branca Gewürztraminer. Vinhos da uva Syrah, que possuem leves notas frutadas e frescas em seu aroma e paladar, também vão bem.

– Pizzas doces

Pizzas doces pedem vinhos também mais doces, então a dica é harmonizar com um vinho de sobremesa, um vinho do Porto ou os espumantes Moscatel ou Asti.

E aí, gostou das dicas? Então, escolha sua pizza favorita e bom apetite!

Batalha do Vinho, a festa que vem atraindo cada vez mais turistas

Já ouviu falar da Batalha do Vinho? O evento acontece todo dia 29 de junho, na montanha de Haro, na região espanhola de Rioja, e faz parte de um dos mais importantes festivais espanhóis, a Festa do Vinho.

A história da batalha é a seguinte: no século XIII, o povo de Haro começou a demarcar suas terras para separá-las de seus vizinhos de Miranda de Ebro. Quatrocentos anos depois, a demarcação foi quebrada e as pessoas de cada povoado começaram a atirar vinho umas nas outras para celebrar (ou não) o acontecimento. O ato se tornou uma tradição e, em 1965, ganhou o nome de “Batalha do vinho”.

Um pouco antes das sete da manhã, os participantes se vestem de branco, colocam um lenço vermelho no pescoço e sobem a montanha. Durante o caminho até o topo, um pouco de vinho já começa a ser jogado. Às dez, a batalha começa. Produtores ficam posicionados em furgões, oferecendo os vinhos e, com pistolas de água, baldes, jarras, garrafas e mangueiras, todos são liberados a jogar a bebida nos demais. A batalha só acaba ao acabarem os estoques! Depois, todos voltam à cidade e a festa continua na praça central.

Demais, né? A festa tem ganhado tanta visibilidade que, de uns tempos pra cá, grupos de turistas têm planejado viagens à Espanha especialmente para participar. Fica a dica! 🙂